Saude

Acerte a postura e corra sem dor

Novas pesquisas indicam que o incômodo que surge durante a corrida também está relacionado com postura incorreta. Confira dicas para estabilizar a coluna e aumente o rendimento do seu exercício



A dor é mais frequente em atletas que correm com as costas curvadas para a frente
Respiração errada, hidratação insuficiente, esforço demais... Há várias hipóteses para explicar aquela pontada na lateral do corpo, que às vezes aparece e atrapalha o rendimento do exercício. Agora algumas pesquisas indicam que o incômodo também pode estar relacionado com a postura errada durante a corrida, pois mostraram que a dor é mais frequente em atletas que correm com as costas curvadas para a frente e que, quanto pior a postura, pior é a dor. Uma explicação é que a coluna arqueada aumenta a pressão sobre o peritônio, membrana que recobre a cavidade abdominal. Outra é que a posição das costas comprime os nervos que percorrem desde a parte de cima das costas até o abdômen. Cada fisgada pode ter uma causa específica, mas um jeito de corrigir a postura e evitar as dores é caprichar nos exercícios para fortalecimento do core, que inclui os músculos do abdômen, da lombar e dos quadris e ajuda a estabilizar a coluna.

Corrija a postura e deixe de preguiça!

Treino bom de corrida tem que incluir variações na inclinação do terreno, não importa se você está na rua ou na esteira. Trechos de subida obrigam os músculos a trabalhar mais a cada passada e, com isso, multiplicam os benefícios da atividade. Quer ver?

O ritmo melhora

Para vencer a mesma distância na superfície plana e na subida, é claro que vai demorar e se cansar mais ladeira acima. Com o tempo e o treino, no entanto, você acostuma o corpo, melhora o fôlego, aprimora o movimento e ganha velocidade na corrida - com inclinação ou sem.

O bumbum agradece

"O movimento de correr na subida é um dos melhores estímulos para a musculatura dos glúteos, que é ativada com mais força ao empurrar o chão para se deslocar à frente", fala Robson Sedenho Orloski, personal trainer da Bodytech, em São Paulo.

A barriga também trabalha

Para frear o movimento e não perder o controle ladeira abaixo, procure manter o abdômen sempre contraído enquanto corre - o que funciona quase como um abdominal isométrico.




0 Comentarios:

Postar um comentário